DEPOIMENTOS

POR: REVISTA ADEGA
  • Urim Reserva Clássica Merlot 2012 | 89 Pontos – Revista ADEGA 135 · Janeiro/2017. Com produção limitada e uma proposta elegante, este tinto de 2012 ainda se desenvolverá bem na garrafa nos próximos anos, mas está no ponto certo para ser apreciado hoje. No nariz, apresenta notas de amora em compota, ameixa seca, baunilha e especiarias, além de toque de alcaçuz. No paladar, é complexo e bem estruturado, porém com taninos macios, boa acidez e final de boca saboroso e longo. Seu estilo refinado contribui para que harmonize com uma grande variedade de preparações, queijos, petiscos, e até mesmo com um hambúrguer tradicional de boa qualidade. Álcool 13%. FONTE ORIGINAL.
  • Tumim Reserva Clássica Cabernet Sauvignon 2012 | 89 Pontos – Revista ADEGA 137 · Março/2017. Bom brasileiro com aroma intenso e típico da casta, amoras maduras e cassis, além de notas mentoladas, tudo com intensidade. Na boca, é cremoso, a madeira está presente, mas bem integrada, com taninos macios, fruta madura quase em compota e final bastante agradável.  Azedinho agradável e acidez gostosa trazem tensão e personalidade para esse vinho muito bem integrado.  Vinho quente e redondo, bom para acompanhar assados como um cordeiro bem temperado. Álcool 13%. FONTE ORIGINAL.

 

POR: ROGÉRIO DARDEAU
  • O La Belle Blanche é um espumante brut rosado finíssimo, cujo vinho base foi um corte entre Chardonnay (60%), Pinot Noir (20%) e Trebbiano (20%), com 12,5% de teor alcoólico. Esse espumante teve a consultoria do enólogo Alejandro Cardozo, um mago dos espumantes. O La Belle Blanche é de uma delicadeza magnífica. Desde os tons de uma ‘flor rosa cor de rosa’ aos aromas, as marcas são inesquecíveis. Mas o estilo delicado não compromete de forma alguma os poderes energizantes, de bolhas pequeninas e intensas, que deixam a sensação de paladar em êxtase.
  • O ENOS Cabernet Franc Gran Reserva 2012 Safra Histórica é um varietal a 100% elaborado com uvas de Pinto Bandeira, RS, território da casta, principal tinta da Indicação de Procedência local. Após elaborado, o vinho estagiou por 12 meses em barricas novas de carvalho, sendo 70% em carvalho americano e 30% em carvalho francês. Uma vez engarrafado, permaneceu na adega por 6 meses, antes do início da comercialização. O vinho tem uma cor vermelha brilhante, viva e 13,8% de teor alcoólico. Os aromas nos lembram morango, lichia, rosas, louro, noz moscada e muito mais. No paladar, mostra muito expressiva acidez; o ótimo volume marca presença e fica, alimentando o retrogosto. Há uma fina rusticidade que agrada. Um grande vinho!
  • O ENOS Tannat Gran Reserva 2012 Safra Histórica é um varietal a 100%, elaborado com uvas da Campanha Gaúcha. Após elaborado, o vinho estagiou por 12 meses em barricas novas de carvalho americano. Uma vez engarrafado, permaneceu na adega por 12 meses, antes do início da comercialização. É de um rubi intenso, expressão da casta, e tem 14,0% de teor alcoólico. É floral e frutado, trazendo amora, doces em compota, cacau, tabaco e outros. No paladar, tem acidez na medida, é muito equilibrado, com ótimo volume e um final macio, doce, persistente. É um vinho potente. Outro grande trabalho da ENOS!

 

POR: VIVA O VINHO
  • ENOS Merlot Gran Reserva 2012. Merlots são normalmente vinhos aromáticos e aveludados. Este não é diferente. Um Merlot clássico, denso na taça e muito aromático. Requer um tempo na taça para abrir, depois disso passa-se um tempo apreciando este vinho no nariz antes de prová-lo. Denso, aveludado, elegante, um vinho para se abrir quando se quer beber algo diferenciado. Evolui na taça, ficando cada vez melhor.
  • ENOS Tannat Gran Reserva 2012. Um potente e típico Tannat. Ao abrir a garrafa e colocá-lo na taça já é perceptível o quanto ele a tinge. Uma girada e os aromas de frutas negras, condimentos e um toque de madeira e fumo aparecem. Na boca muita potência, ótimo para acompanhar uma bela carne. É um vinho de guarda que evolui muito na taça, melhor usar uma grande, e que ganha muito se colocado em um decanter. Em uma degustação às cegas com certeza baterá muitos uruguaios.
  • ENOS Cabernet Franc Gran Reserva 2012. Um vinho para ser apreciado devagar, com calma. Sua evolução depois de aberto é muito grande. Muito bonito na taça, com aromas marcantes e complexos. Em quatro pessoas, cada uma foi capaz de falar algo diferente, de frutas vermelhas a condimentos, mas é possível depois de um tempo sentir compotas. Na boca impera a elegância e a sutileza harmonizadas com um corpo presente e um final longo. Um excelente vinho para guarda.

 

 VÍDEO / Vinhos Brasileiros por: Rogério Dardeau
  1. Dia Internacional da Mulher para ser celebrado com Espumante Rosé de alma literária, La Belle Blanche e um tinto com sentimento de enóloga, Aracuri Pinot Noir, ambos femininamente pensados. CLIQUE AQUI PARA ASSISTIR.